Uma prótese impressa em 3D mudou a vida de uma garotinha

Feito em uma impressora 3D em menos de 24 horas, o braço tem as cores prediletas da garota: rosa, azul, púrpura e laranja

São Paulo – Faith Lennox teve o antebraço amputado aos nove meses de vida por causa de uma doença congênita. Em seus sete anos de vida, uma prótese nunca foi algo viável financeiramente para sua família.

Nos Estados Unidos, o equipamento pode chegar a custar até 40 mil dólares. Faith nunca pôde, por exemplo, andar de bicicleta com seus amigos da cidade de Los Amitos, na Califórnia.

Isso até ela conhecer um grupo de voluntários com a prótese impressa em 3D ao custo de 50 dólares.

Obrigada, ela disse, com um sorriso no rosto, ao experimentar o equipamento. Feito em uma impressora 3D em menos de 24 horas, o braço tem as cores prediletas da garota: rosa, azul, púrpura e laranja.

Logo após provar a prótese, Faith foi até o estacionamento andar, pela primeira vez, de bicicleta. Mais uma grande conquista para uma menina que, apesar das limitações, aprendeu a surfar e rebater bolas de beisebol.

O design e a impressão do braço mecânico só foram possíveis graças ao grupo de voluntários E-Nable, que se dedica a imprimir próteses em 3D, além da fabricante Airwolf 3D e da Universidade da Califórnia.

O vídeo abaixo mostra esse momento emocionante: