TIM lança pré-pago com acesso ilimitado a WhatsApp, Facebook e Twitter

Plano da operadora dá benefícios de acordo com o valor da recarga

São Paulo – A operadora TIM anunciou hoje (14) o lançamento de um novo plano pré-pago que oferece acesso ilimitado às redes sociais, ou seja, quando o usuário navega pelo Facebook ou pelo Twitter, a internet utilizada não é descontada do valor da recarga. A isenção de cobrança também abrange os aplicativos de mensagens WhatsApp e Messenger.

O novo plano é chamado TIM Pré Top e isenção de internet muda de acordo com o valor da recarga. De acordo com a TIM, 20 reais dão acesso ilimitado aos aplicativos por 14 dias, além de 2 GB adicionais de internet móvel para ser usada como o usuário quiser.

O TIM Pré Top também oferece acesso à plataforma de cursos da operadora, chamada TIM Empregos.

A contratação do novo plano pode ser feita por meio de um envio de SMS com a palavra TOP para o número 4141, no caso de clientes existentes, e com a ativação do chip da operadora, no caso de novos clientes.

A operadora afirma que a nova oferta busca atender às necessidades dos usuários de smartphones, que estão sempre conectados. A TIM se compromete a oferecer a “melhor experiência aos consumidores”.

Não é a primeira vez que as operadoras usam a prática de zero-rating (quando não há desconto na franquia) para conquistar novos clientes. A empresa fez um movimento semelhante no começo do ano, quando deu isenção para aplicativos durante os primeiros meses de contratação dos planos.

Operadoras mudam para atender novas necessidades

Como mostra o TIM Empregos e a isenção de cobrança de dados, as operadoras tentam ganhar e cativar seus clientes com a oferta de benefícios. A maior parte das empresas de telefonia móvel no Brasil já possuem plataformas de cursos ou clubes de benefícios. Esse é o caso da Vivo, que tem o Valoriza, um programa de fidelidade no qual o consumidor troca seus pontos (aqueles que também podem ser usados na compra de aparelhos) por ingressos para cinema, teatro ou experiências de bem-estar. No caso da Vivo, também é possível transferir os pontos diretamente para o programa Multiplus, que dá descontos em passagens aéreas ou produtos vendidos online.

O número de linhas pré-pagas no Brasil tem tendência de queda. Dados da Teleco indicam que a Vivo perdeu cerca de 1,8 milhão de clientes no segmento pré-pago, seguida pela TIM, que teve 870 mil usuários a menos. Claro e Oi também tiveram perdas de 522 mil e 322 mil clientes, respectivamente. As informações são com base na comparação entre o terceiro trimestre de 2017 e o de 2018.

Nesse cenário, a Vivo foi pioneira ao experimentar com um modelo de assinatura de planos via cartão de crédito que se baseiam na compra de pacotes de acesso a aplicativos específicos ou cotas de minutos e ligações. A modalidade é chamada Vivo Easy e só pode ser contratada por aplicativo para celular.

Conforme o uso dos smartphones e das redes móveis evolui, as operadoras buscam atender às novas necessidades. Quem não ficar ligado nas novidades pode perder dinheiro ou benefícios. Segundo o fundador da operadora Veek, o modelo de negócio das operadoras está baseado em manter os clientes nos planos errados, pagando mais caro do que deveriam.