Surface é mais rentável que o iPad, diz estudo

Uma estimativa da consultoria IHS mostra que o tablet Surface com a opcional capa Touch Cover tem um custo de materiais de US$ 271, mais US$ 13 pela produção

São Paulo – Fabricantes de tablet tentaram competir com o iPad ao reduzir o preço de seus dispositivos, mesmo que significasse sacrificar a margem de lucro. Mas um relatório aponta que a Microsoft escolheu um caminho diferente com seu tablet Surface.

Uma estimativa da consultoria IHS mostra que o tablet Surface com a opcional capa Touch Cover tem um custo de materiais de US$ 271, mais US$ 13 pela produção. Isto para o modelo vendido no mercado por US$ 599.

A IHS também estimou que a quarta geração do iPad, com conectividade Wi-Fi e 32GB, teria um custo total de produção de US$ 293, contra US$ 255 do Surface com 32GB (ambos os modelos são vendidos no mercado por US$ 599).

Além disso, segundo a IHS, mesmo com o modelo de US$ 499 sem a capa Touch Cover, a Microsoft terá uma margem de lucro ainda maior que a versão mais barata do iPad.

“Do ponto de vista do hardware, a Microsoft tem sido bem sucedida com o Surface, oferecendo um ótimo tablet que é mais rentável, em bases percentuais, que o iPad, considerando preços de mercado”, afirmou a consultoria.