Spotify finalmente chega ao Apple Watch

Disponível para iPhone na App Store, app funciona como controle remoto

São Paulo – Depois de muito tempo de espera, os usuários do Apple Watch podem finalmente interagir com o Spotify direto do relógio inteligente. A versão oficial do aplicativo de músicas concorrente do Apple Music chegou nesta à App Store, a loja de aplicativos do iPhone–ainda que em uma versão bastante limitada.

A “primeira versão” do Spotify, como anunciado pela empresa, transforma o relógio inteligente da Apple em uma espécie de “controle remoto” para os dispositivos que realmente estejam executando o app, como iPhones, caixas de som ou computadores. O usuário pode controlar a reprodução das músicas e dos podcasts a partir do Apple Watch, alternar entre os dispositivos disponíveis para atuar como alto-falantes e marcar como favoritas as faixas desejadas.

Duas funcionalidades muito aguardadas, porém, não estão disponíveis nesta versão. Os usuários ainda não podem reproduzir as faixas diretamente do relógio nem ouvi-las offline, o que gera uma dependência de conexão e da presença do iPhone por perto enquanto o Spotify é usado.

De olho na concorrência

A chegada do Spotify ao Apple Watch é um marco na disputa por usuários dos serviços de streaming de música. No mercado desde 2015, a Apple Music, concorrente direta do Spotify, possui mais de 50 milhões de assinantes, segundo Tim Cook, CEO da Apple, em entrevista à Bloomberg TV. Já o Spotify, que conta com uma opção gratuita, possui cerca 95 milhões de assinantes premium, segundo seu site oficial.

Ainda que não tenha anunciado a data das atualizações, o Spotify anima os clientes da Apple, já que outros relógios concorrentes, como os da linha Galaxy Watch, da Samsung, contam com as funções mais avançadas há algum tempo–entre eles, a reprodução offline.