SpaceX realiza primeiro lançamento de foguete reciclado

A companhia reutilizará o primeiro estágio do foguete Falcon 9 para colocar em órbita um satélite de telecomunicações

A companhia americana SpaceX reutilizará, pela primeira vez, o primeiro estágio de seu foguete Falcon 9, iniciando uma potencial transformação deste setor graças à redução dos custos de acesso ao espaço.

O lançamento para colocar em órbita um satélite de telecomunicações da empresa luxemburguesa SES está previsto para às 22H27 GMT (19H27 Brasília) do Centro Espacial Kennedy, em Cabo Cañaveral, Flórida.

O estágio reciclado já foi utilizado, em abril de 2016, para o lançamento da cápsula Dragon em direção à Estação Espacial Internacional (ISS), em uma missão de abastecimento contratada pela Nasa.

O foguete, de 41 metros, pousou suavemente minutos após decolar sobre uma plataforma flutuante no oceano, reduzindo e guiando sua descida com os próprios motores.

A SpaceX fez treze tentativas de recuperação de estágios, e teve sucesso em oito, a primeira no final de 2015.

Após o lançamento desta quinta-feira, a SpaceX tentará recuperar o estágio reciclado do Falcon 9, que segundo os planos pousará suavemente sobre uma plataforma no Atlântico.