Snapchat encoraja jovens a falarem sobre violência doméstica

'Snap Counsellors' usa a rede social como plataforma para aconselhar adolescentes

São Paulo – Alguns veículos de mídia já entenderam a importância do Snapchat na disputa pela atenção dos jovens na internet, colocando seus conteúdos na plataforma com a linguagem interativa que vem conquistando a preferência de adolescentes ao redor do mundo.

Se essa é a rede social “do momento” entre os jovens, pode ser o meio perfeito para comunicar assuntos importantes e pouco discutidos entre eles, como o abuso e a violência doméstica.

É o propõe a “Snap Counsellors”, uma iniciativa criada por Rajshekar Patil, Avani Parekh e Nida Sheriff.

Os três conselheiros resolveram usar a plataforma como uma forma de ajudar adolescentes a denunciarem situações abusivas.

A conta “lovedoctorin” utiliza o recurso de “Stories” para incentivar os seguidores a dividirem experiências e falarem sobre elas como uma forma de se expressarem sem serem julgados, além de receberem orientações sobre como se desvencilhar da situação.

Apesar de ter sido criada na Índia, um dos países que lidera os casos de violência domestica, os idealizadores da iniciativa contam que a campanha os surpreendeu pela adesão de muitos jovens de diversos países, como Canadá e Estados Unidos.

Segundo o Rajshekar Patil, o perfil ganha uma média de oito seguidores por dia e já conta com quase 200 pessoas vendo as histórias diariamente.

Confira o vídeo de lançamento do “Snap Counsellors”: