Smartphones contribuem para aumento de infidelidade

A pesquisa mostrou que 89,3% das mulheres e 91,7% dos homens utilizam o celular para combinar encontros com o amante

São Paulo – Os smartphones estão contribuindo para o aumento da infidelidade. Pelo menos é o que diz uma pesquisa realizada pelo site de relacionamentos extraconjugais Ashley Madison.

Segundo 77,9% das mulheres e 36,2% dos homens entrevistados, o aplicativo móvel do serviço tornou mais fácil encontrar um amante.

A pesquisa mostrou ainda que 89,3% das mulheres e 91,7% dos homens utilizam o celular para combinar encontros com o amante.

Em relação ao padrão de comportamento existe variação. Segundo a pesquisa, o horário preferido que a maioria das mulheres (37,5%) utiliza o celular para acessar o serviço é entre às 13h e 16h. Já no caso dos homens, 33,3% o fazem após as 23h enquanto outros 24,2% preferem o horário entre 16h e 18h.

“Parece que as mulheres preferem se conectar pelo celular durante o horário de trabalho para evitar que outras pessoas desconfiem. Quanto aos homens, eles parecem preferir o horário no qual a esposa provavelmente deve estar dormindo”, afirma o diretor do Ashley Madison no Brasil, Eduardo Borges.

Em relação ao sistema operacional, o Android é o preferido dos infiéis – 48,4% das mulheres e 41,7% dos homens utilizam a plataforma do Google.

No total, 4.690 usuários participaram da pesquisa segundo a Ashley Madison.