Samsung lança TV 4K com “Netflix de arte”

Aparelho tem sensor de presença e vem com suporte que o deixa com aspecto de quadro

São Paulo – E se a sua TV pudesse ser um espaço artístico na sua casa enquanto ela não estiver ligada? Essa é a proposta da nova TV 4K da Samsung. O novo modelo da linha The Frame TV UHD da marca tem um serviço que funciona como um “Netflix de arte”.

Obras escolhidas pela empresa junto a curadores internacionais são exibidas no aparelho mediante pagamento de mensalidade de 16 reais. A TV também terá uma loja virtual para a compra de obras de arte e fotografias individualmente. O preço sugerido de cada uma é de 66 reais.

Outra opção, essa gratuita, é enviar imagens para a TV por meio do recurso chamado “Smart View” de smartphones. Com isso, fotos da sua própria coleção serão exibidas quando o aparelho estiver desligado.

Para poupar energia e se adequar melhor aos ambientes, o televisor conta com um sensor de movimento e um sensor de luminosidade. Esses recursos permitem que as obras sejam exibidas apenas quando alguém estiver presente e também a não deixar a tela de 55 polegadas brilhante demais quando o local estiver escuro.

Esse novo televisor tem também molduras opcionais que dão personalidades artísticas diferentes ao produto. Disponíveis nas cores branca, madeira e madeira clara, elas custam 899 reais cada.

Em entrevista a EXAME, Guilherme Campos, gerente de produto da área de TV da Samsung Brasil, essa nova TV, cujo preço é de 8.999 reais, é voltada para um público inovador que procura novas formas de decorar seu lar.

Ele conta que o fotógrafo brasileiro Araquém Alcântara terá obras disponíveis para compra na loja virtual da TV em breve e que novos artistas devem realizar parcerias semelhantes com a Samsung para esse projeto, que é de longo prazo.

Apesar da proximidade do preço dessa nova UHD com o da QLED mais simples–que custa 9.999 reais–, Campos ressalta que os produtos não concorrem entre si porque são de categorias diferentes. Enquanto a UHD usa LCD LED, a QLED é mais voltada a entusiastas de tecnologia. Essa outra família de produtos utiliza painel com pontos quânticos e tem mais brilho (até 1.500 nits contra somente 350 nits da UHD).

Por outro lado, quem compra um UHD também leva para casa um suporte No-Gap, que deixa a TV bem próxima da parede, como um quadro. Esse acessório custa de 500 a 600 reais e precisa ser comprado separadamente por consumidores que optam pela QLED.

Além dos recursos de arte, a The Frame UHD também é uma smart TV como qualquer outra da Samsung. Com isso, ela conta com o sistema Tizen, que oferece apps da Netflix, Globo, YouTube e GameFly, e também um controle remoto único para comandar todos os dispositivos conectados, como TV por assinatura, Blu-Ray e afins.

 

Veja também