Galaxy Tab S2 é o tablet Android mais fino e leve do momento

Gadget supre lacuna no segmento Android e é afronta ao iPad

logo-infolab

São Paulo — Quando o assunto é tablet, poucos são os representantes topo de linha lançados recentemente. O Samsung Tab S2 chegou ao mercado no final do ano passado como um dispositivo Android de tela grande e com potência para jogos.

O aparelho concorre com o Xperia Z2 Tablet, da Sony, e com o iPad Air 2, da Apple. Ele conta com os tradicionais bônus de software da Samsung, o que inclui 100 GB gratuitos no OneDrive por tempo limitado e a assinatura de revistas e jornais por alguns meses. Com isso, o Tab S2 se apresenta como um gadget para consumo de mídia — e ele se saiu bem nos testes do INFOlab.

Design

O Tab S2 é o tablet Android mais fino e leve do momento. Ele tem espessura de 5,6 mm e pesa 390 gramas. O corpo do aparelho é revestido de um plástico, que passa a impressão de ser emborrachado. Uma fina linha de metal contorna o produto, o que lhe dá aparência premium.

Os botões permanecem como nos celulares, um botão home físico (que tem leitor biométrico) e dois capacitivos, um para voltar e outro que mostra os apps em execução.

Como no Galaxy S6, o conector de fones de ouvido, o microUSB e os alto-falantes ficam na parte de baixo do Tab S2.

Áudio e vídeo

A tela Super Amoled do aparelho tem 9,7 polegadas e uma resolução pouco usual: 1.536 por 2.048 pixels. Isso significa que o gadget tem 264 pixels por polegada, o que oferece uma boa definição de imagem. No entanto, essa resolução mais alta aliada à proporção de imagem 4:3 faz com que os vídeos em Full HD ou HD apresentem bordas pretas ao serem reproduzidos.

Essa proporção de tela é recomendável para a leitura. A experiência, por exemplo, de utilizar a versão do Flipboard (app de leitura de notícias) que vem pré-instalada no Tab S2 é excelente. Parece que você está lendo um jornal sensível ao toque.

Ouvir músicas no Tab S2 também é agradável graças aos alto-falantes estéreo. Como em todo tablet, o som não é alto o suficiente para uma festa, mas ele pode chegar a maioria dos cômodos de um apartamento de tamanho médio no dia a dia. As frequências médias e agudas são as mais favorecidas, uma vez que os graves precisariam de um subwoofer para serem reproduzidos com mais intensidade.

Configuração

O Galaxy Tab S2 é um tablet topo de linha da Samsung e tem, basicamente, tudo que se pode esperar de um produto como esse atualmente. Há processador octa-core, 3 GB de RAM, 16 GB de armazenamento, entrada para cartões microSD e algo pouco comum em um dispositivo como esse: leitor de impressões digitais.

Nos benchmarks, apps que testam a capacidade computacional de gadgets como esse, o Galaxy Tab S2 se saiu bem. Confira abaixo.

Bateria

A duração da bateria de um produto com uma tela tão grande como a do Tab S2 é um importante definidor de compra. Durante o teste realizado pelo INFOlab, o aparelho permaneceu ligado durante 10 horas. Esse tempo é maior do que o obtido pelo iPad Air (7h38), sob as mesmas condições. Com isso, você deve conseguir até dois dias de uso moderado com uma só carga. <h3>Sistema Quem já conhece a personalização do Android da Samsung nos celulares não vai encontrar novidades no sistema do Galaxy Tab S2.

Há poucos aplicativos pré-instalados, como opções da Microsoft (Office, Skype, OneDrive e OneNote), um explorador de arquivos ao estilo Explorer, do Windows, e apps que reproduzem músicas e vídeos. O que mais chama a atenção é o SideSync. Ele permite controlar o seu smartphone Samsung à distância, desde que eles estejam próximos.

O espelhamento da interface do celular no tablet se dá por uma tecnologia chamada Wi-Fi Direct. Com isso, é possível, por exemplo, visualizar e responder mensagens do WhatsApp no Tab S2. Outra aplicação possível é tirar fotos com o celular, enquanto ele mantém sua tela apagada.

Fotografia

Apesar do tamanho, tablets também podem ser usados para fotos. Por isso, a Samsung colocou duas câmeras no Tab S2. A principal captura imagens com 8 MP e a frontal, com 2,1 MP. Nenhuma delas tem flash, ou seja, bater fotos com esse produto só é recomendável em ambientes bem iluminados.

O nível de detalhamento das imagens feitas com a câmera principal do Tab S2 não é alto. Quando damos zoom, é possível ver que rostos de pessoas a pouco mais de três metros já ficam borrados.

Foto por: Lucas Agrela/EXAME.com

A câmera frontal parece ter uma aplicação mais viável. Como a ideia é tirar fotos de pessoas bem próximas à lente, a qualidade é um pouco melhor. O que ajuda a disfarçar a falta de registro de detalhe é o recurso de embelezamento de rostos, que tem níveis do zero ao oito. A foto abaixo, por exemplo, foi tirada com no nível 2.

Foto por: Lucas Agrela/EXAME.com

Vídeos também podem ser gravados com o Tab S2 e a resolução deles é pouco maior do que a Full HD.

Vale a pena?

Tanto preço quanto qualidade são altos no Galaxy Tab S2. Quem procura uma experiência premium em um tablet com sistema Android faz uma boa escolha ao optar pela compra desse modelo da Samsung. Ver vídeos, jogar e utilizar aplicativos são atividades que o dispositivo realiza com maestria. Ficha técnicaAvaliação técnica

AnTuTu (em pontos) Barras maiores indicam melhor desempenho
Galaxy Tab S2 63381
Vellamo (em pontos) Barras maiores indicam melhor desempenho
Galaxy Tab S2 2887
Basemark OS II (em pontos) Barras maiores indicam melhor desempenho
Galaxy Tab S2 1187
Geekbench (em pontos) Barras maiores indicam melhor desempenho
Galaxy Tab S2 4274
Sistema operacional Android 5.1 Lollipop
Chipset Exynos 5433
CPU 4x Cotex A53 a 1,3 GHz e 4x Cortex A57 a 1,9 GHz
GPU Mali-T760
Armazenamento 16 GB + microSD de até 128 GB
RAM 3 GB
Tela 9,7″ (1536 x 2048 pixels)
Peso 390 gramas
Bateria 10h
Prós Ótima tela, configuração potente e excelente para consumo multimídia.
Contras Preço alto.
Conclusão Tablet Android de qualidade voltado para quem busca uma experiência de uso premium.
Configuração 9.0
Usabilidade 9.2
Foto 7.5
Bateria 9.0
Design 9.3
Média 8.8
Preço R$ 2.300