Samsung apresenta dispositivo maior que smartphone e menor que tablet

Segundo a multinacional sul-coreana, o modelo representa uma nova categoria na tecnologia

Berlim – A multinacional sul-coreana Samsung apresentou nesta quinta-feira o Galaxy Note, um dispositivo com dimensões maiores que um smartphone, mas menores que um tablet, o que, segundo a empresa, representa a criação de uma nova categoria na tecnologia.

O Galaxy Note tem um processador que funciona a 1,4 gigahertz, uma tela tátil de 5,3 polegadas que, além de poder ser utilizada com os dedos, permite a criação de arquivos com um ponteiro ou “lápis digital”.

Na feira de eletrônica IFA de Berlim, o vice-presidente executivo e responsável mundial de vendas e marketing da divisão de celular da Samsung, DJ Lee, afirmou que a companhia desenvolveu esta nova categoria de dispositivo porque tinha detectado que muitos usuários “carregam pequenos cadernos para anotar ideias”.

A empresa já anunciou que tornará público um pacote de desenvolvimento de software para este dispositivo com o objetivo de que os programadores comecem a criar aplicativos específicos.

Além disso, Lee apresentou em sociedade o novo tablet da multinacional, o Galaxy Tab 7.7, que inclui a tecnologia necessária para se conectar a redes de quarta geração LTE. Este dispositivo tem espessura de 7,89 milímetros e peso de 335 gramas.

Lee também apresentou o novo Wave 3, com a evolução 2.0 do sistema operacional próprio da Samsung, o Bada, e com uma tela tátil de 4 polegadas.

O diretor de computação móvel da empresa para a Europa, Patrick Povel, anunciou um “companheiro” para o Serie 9, o portátil ultrafino da companhia: o Série 7. Neste computador, a Samsung reduziu o marco da tela para “ganhar uma polegada”, explicou Povel.

A gigante coreana também apresentou suas novas câmeras fotográficas, a Multiview mv800 e a NX200. A primeira inclui uma tela de menu na parte traseira que pode ser dobrada para cima para que o usuário que desejar tirar uma foto de si próprio possa visualizar o enquadramento.