Rodovia “elétrica” na Alemanha recarrega caminhões em movimento

O sistema foi desenvolvido pela empresa de engenharia Siemens e os caminhões são da Scania, unidade da Volkswagen

A Alemanha inaugurou o primeiro trecho da chamada rodovia elétrica, que conecta caminhões híbridos (que funcionam com motorização elétrica e à combustão) a cabos aéreos, permitindo que os veículos sejam recarregados enquanto circulam pelas principais vias de transporte do país.

O trecho de 10 quilômetros ao sul de Frankfurt, na rodovia A5, foi inaugurado na semana passada, segundo comunicado do estado de Hesse, região central da Alemanha. Por enquanto, um caminhão está usando o sistema, e a previsão é incluir mais quatro até 2020.

O sistema foi desenvolvido pela empresa de engenharia Siemens, com sede em Munique. Os caminhões são da Scania, unidade da Volkswagen. O sistema utiliza tecnologia semelhante às dos trens ou bondes, permitindo que caminhões sejam conectados enquanto circulam a uma velocidade de até 90 quilômetros por hora, recebendo energia dos cabos aéreos. A eletricidade recarrega a bateria dos caminhões para que possam circular por um tempo determinado, e um motor a diesel é acionado quando a bateria acaba.

A Siemens começou a desenvolver o projeto em 2010 em uma pista para testes nos arredores de Berlim. A primeira pista completa foi inaugurada em 2016, nos arredores de Estocolmo, e a empresa agora desenvolve outra na Califórnia.

O plano de fusão da divisão de mobilidade da Siemens, que fabrica trens e equipamentos de sinalização, com a concorrente francesa Alstom foi vetado recentemente pela Comissão Europeia. O presidente da Siemens, Joe Kaeser, disse que a unidade deve expandir os negócios além do segmento de trens e incluir uma ampla gama de opções de mobilidade, como carros elétricos e autônomos.

Veja o vídeo de divulgação da nova rodovia a seguir.