Programação geek é destaque da Virada Cultural 2012

Virada Hacker irá oferecer atividades gratuitas para os fãs de tecnologia, entre elas uma saída fotográfica organizada pela Wikimedia Brasil

São Paulo – Começa amanhã em São Paulo a edição 2012 da Virada Cultural. Serão 24 horas de programação, com mais de mil shows que vão acontecer em 114 lugares diferentes da capital paulista.

Mas não é apenas o público fã de música e teatro que vai se beneficiar da variedade de atrações na oitava edição da Virada. Os entusiastas da tecnologia também vão ter a sua vez, na chamada Virada Hacker.

O destaque deste evento fica por conta da Wikimedia. O braço brasileiro da organização irá organizar uma saída no domingo (14 horas) para fotografar a Virada Cultural. Qualquer um poderá participar e as melhores fotos vão ilustrar o artigo sobre a Virada no site da organização.

Idealizada pelo grupo Garoa Hacker Clube, a versão tech da Virada Cultural também vai oferecer várias palestras e oficinas. A programação começa no sábado, às 18hs, na Casa da Cultura Digital (rua Vitorino Carmili, 459, Santa Cecília) e está agendada para terminar no fim da tarde de domingo.

Para dar a largada nas atividades, a Virada Hacker irá começar com a palestra “Entendendo o Hacktivismo e o Anonymous”, ministrada pelo pesquisador Anchise de Paula. Ao longo de todo o evento, o público poderá visitar a exposição “Matemateca”, que irá abordar a relação entre a matemática, os objetos e as pessoas.

Para elaborar a programação, o Garoa, contou com a ajuda de organizações de peso como a própria Wikimedia Brasil e Mozilla Firefox. A programação completa e os detalhes sobre cada atividade da Virada Hacker estão disponíveis no site do grupo.

Quem não desgruda do smartphone e quer se manter atualizado sobre os detalhes da programação de toda a Virada Cultural 2012, tem a opção de baixar o app oficial do evento. Gratuito, o aplicativo já é o sexto mais baixado da categoria na Apple Store Brasil e também com versão para Android.