Pokémon Go pode ter parceria com McDonald’s

Aplicativo pode levar jogadores aos restaurantes da rede de fast-food

São Paulo – Os personagens de Pokémon já foram brindes do McLanche Feliz mais de uma vez. Agora, com o sucesso do jogo para celulares Pokémon Go, a parceria entre a franquia e o McDonald’s pode ser mantida.

Um estudante australiano encontrou indícios sobre o restaurante fast-food mais famoso do mundo no código do aplicativo para Android. Manu Gill encontrou um trecho que menciona o McDonald’s ao lado da palavra “sponsor”, que significa “patrocinador” em inglês.

Ao Gizmodo, Gill conta que abriu a sessão que exibe o código do aplicativo e procurou pelas palavras “sponsor” e “partnership” (parceria). Foi aí que ele encontrou a menção nominal ao restaurante.

Outros dois usuários do fórum Reddit dizem ter achado também o logotipo do McDonald’s no código de Pokémon Go. “Baseado no que encontrei, parece que haverá uma promoção que transformará unidades do McDonald’s em ginásios”, afirmou o usuário chamado NeoProfessorWillow ao Gizmodo.

Nem a Niantic, responsável pelo desenvolvimento do game, nem o McDonald’s comentaram o caso.

No jogo Pokémon Go, que ainda não tem data de estreia no Brasil, os jogadores podem capturar os monstrinhos com PokéBolas (que podem ser compradas ou conquistadas com tempo de jogo). Os personagens são visualizados no mundo real através da câmera do smartphone, uma técnica conhecida como realidade aumentada. Isso acontece em conjunto com uma avançada tecnologia de geolocalização e mapeamento da Niantic, que tem profissionais que trabalharam no Google Earth e Maps.

Diferentemente do que acontece nos games para o portátil Nintendo 3DS, não é possível batalhar contra amigos, somente contra os líderes de ginásios. Esses chefes intermediários precisam ser derrotados para que o vencedor assuma o local, ganhando um posto de prestígio entre os jogadores. Há, por exemplo, uma verdadeira guerra em busca do ginásio que fica na Casa Branca.