Pesquisa revela os horários que os usuários mais acessam as redes sociais no Brasil

Além disso, o estudo também mediu o crescimento de conteúdo publicado nos serviços online

Para entender melhor o tempo que os brasileiros gastam online, a ferramenta de monitoramento de mídias sociais Scup fez um levantamento que aponta os dias e horários que os usuários do país mais acessaram as redes sociais em 2014.

O levantamento “Horários Nobres das Redes Sociais” analisou 170 milhões de publicações no Facebook, Twitter e Instagram para revelar os picos de acesso dos usuários às rede sociais no país.

O estudo mostra que o auge de acesso dos usuários nas redes sociais acontece durante os dias úteis. Assim, no final de semana, há uma redução de compartilhamento de conteúdo online no país.

A pesquisa aponta que o Instagram, serviço de compartilhamento de imagens e vídeos, é mais acessado às sextas-feiras e aos sábados, diferente do Facebook, que tem mais acesso às terças e quartas-feiras.

Já o Twitter apresentou maior acesso em três dias da semana, terça-feira, quarta-feira e quinta-feira. O maior pico de tuítes aparece na terça-feira das 23:00 horas até meia-noite. O estudo ainda constatou que os usuários do microblog começam a ter mais interatividade depois das 17:00 horas, durante qualquer dia da semana.  

 

Crescimento

Além dos horários de pico, o levantamento do Scup também mediu quais redes sociais mais cresceram em publicação no Brasil no último ano.  

No estudo, em 2014, o Instagram apresentou crescimento de 235% em conteúdo em relação ao ano anterior. Em 2013, o número de publicações somava cerca de 1,6 milhão, mas, no ano passado, o número subiu para 5,6 milhões de publicações.  A rede de fotos foi a que mais cresceu entre as analisadas.

De acordo com o estudo, com um crescimento de 144% em conteúdo compartilhado, o Facebook ficou em segundo lugar. Embora o Twitter tenha mais picos de acesso durante a semana, o microblog cresceu apenas 59%, em relação ao ano anterior.