Peixe de Procurando Nemo é filmado pela primeira vez no mar

Chamado de peixe-diabo negro, o animal tem como habitat as profundezas do oceano, onde não há penetração de luz

São Paulo – Em uma das cenas mais famosas da animação Procurando Nemo, os peixes Dory e Marlin escapam de um tubarão, mas encontram com um animal monstruoso, um peixe com uma espécie de vara de pescar luminosa na testa.

O tal peixe de aspecto monstruoso existe: chamado de peixe-diabo negro, o animal tem como habitat as profundezas do oceano, onde não há penetração de luz. Por isso, ele tem uma espécie de apêndice bioluminescente, usado para atrair suas presas.

Neste final de semana, pesquisadores americanos divulgaram o registro mais longo e detalhado do peixe-diabo negro, cujo nome científico é Melanocetus johnsonii.

Um submarino remotamente controlado desceu a cerca de 570 metros de profundidade, no cânion de Monterey, na Califórnia, em 17 de novembro, e filmou o animal.

O peixe-diabo negro já havia sido filmado outras seis vezes, mas os pesquisadores do aquário de Monterey acreditam que essa é a primeira vez que ele foi registrado em seu habitat natural.

Vale lembrar que a continuação de Procurando Nemo, chamada de Procurando Dory, chega aos cinemas brasileiros em 30 de junho de 2016, com ou sem a volta do peixe-diabo negro.

//www.youtube.com/embed/VqPMP9X-89o