Pai ofendido no Facebook atira no notebook da filha

Profissional de TI americano destrói o notebook da filha a tiros depois de ler um post ofensivo no Facebook e divulga o vídeo no YouTube

São Paulo — Um profissional de TI americano está fazendo sucesso no YouTube com um vídeo que tem sabor de reality show. Depois de ler um post rude publicado pela filha adolescente no Facebook, Tommy Jordan resolveu revidar destruindo, a tiros, o notebook da menina. No vídeo, Jordan conta a história em detalhes e aparece atirando no computador.

Em seu post no Facebook, que Jordan lê em voz alta no vídeo, a filha reclama por ter de fazer serviços domésticos como arrumar sua própria cama. Ela parece ter procurado ocultar o post dos pais. Mas Jordan, que diz ter passado horas fazendo um upgrade no notebook da menina, descobriu o texto e ficou enraivecido. Antes de atirar no laptop, ele diz que ela poderá ter outro computador quando o comprar ela mesma.

A resposta radical do pai ofendido parece ter ganho o apoio da maioria dos internautas. Por volta das 14 horas, 45 mil pessoas haviam clicado em Gostei na página do vídeo no YouTube, enquanto menos de 4 mil haviam assinalado não ter gostado. Na página de Jordan no Facebook, há uma longa lista de comentários, quase sempre elogiosos. Abaixo, o vídeo de Jordan.