Novo roteador promete acabar com zonas mortas de Wi-Fi na sua casa

Fabricante tem como meta preparar as casas dos consumidores para transmissões de vídeo com resolução 4K

Um conjunto de três dispositivos promete acabar com as zonas mortas de Wi-Fi na sua casa. Chamado Eero, o produto está em fase de pré-venda nos Estados Unidos por 300 dólares, ou 820 reais.

Os aparelhos do kit da Eero são um roteador e dois repetidores Wi-Fi. O primeiro é ligado normalmente a um modem de operadora de internet banda larga. Feito isso, o usuário conecta o dispositivo com um smartphone, via Bluetooth, para descobrir quais são os outros dois pontos ideias para instalar os repetidores wireless, dessa forma, oferecendo sinal de internet para todo o ambiente.

Segundo a fabricante, sua solução tem como meta preparar as casas dos consumidores para transmissões de vídeo com resolução 4K – o que demandará uma estabilidade de conexão maior do que a atual.

O Eero também é vendido somente como um roteador ao custo de 125 dólares, ou 342 reais.

O que a empresa faz pode ser reproduzido, ainda que parcialmente, utilizando um roteador comum e um ou dois repetidores Wi-Fi. Para descobrir quais são as áreas que precisam de reforço de sinal, é possível utilizar aplicativos para smartphones, como o WiFi Solver FDTD.