Nokia exibe modelos de smartphone com preços mais acessíveis

Nokia Lumia 720 e Nokia Lumia 520 foram apresentados no primeiro dia do congresso Mobile World Congress

Barcelona – A Nokia apresentou nesta segunda-feira seus dois novos modelos de smartphone – Nokia Lumia 720 e Nokia Lumia 520 -, que serão comercializados a partir deste ano com preços “mais acessíveis” que os telefones inteligentes lançados até agora.

Em entrevista coletiva durante o primeiro dia do congresso Mobile World Congress (MWC) que começa hoje em Barcelona e vai até o dia 28 de fevereiro, o chefe de design da Nokia, Marco Ahtisaari, explicou as novidades dos dois modelos.

No Nokia Lumia 720 uma das principais novidades é a câmera, que incorpora uma lente grande angular f/1.9, com design exclusivo de Carl Zeiss para otimizar a claridade e a nitidez das fotos durante a noite, assim como uma câmera frontal com grande angular.

O aparelho também inclui uma versão melhorada do sistema de localização “HERE”, o serviço Nokia Música, que permite escutar música de forma gratuita e a possibilidade de realizar a recarrega da bateria com um “case” especial sem fio.

Ahtisaari definiu o telefone como “rápido, fino e com estilo”, e destacou suas bordas arredondadas.

A distribuição do Nokia Lumia 720 começará em Hong Kong, Vietnã e Cingapura no primeiro trimestre de 2013, e continuará no segundo trimestre em outros mercados, como a China, em alguns países da Europa, Ásia, África e Índia.

Sobre o Nokia Lumia 520, Ahtisaari afirmou que se trata do smartphone da Nokia com o Windows Phone 8 mais acessível do mercado.


Neste sentido, destacou que conta com as mesmas lentes digitais do Nokia Lumia 920, o Nokia Música e o aplicativo de localização “HERE”.

Seu design é semelhante ao dos outros modelos da série Lumia, conta com uma tela sensível ao toque de quatro polegadas, e também estará disponível em cinco cores.

Sua comercialização começará no primeiro trimestre de 2013 em Hong Kong e Vietnã e será ampliada para os mercados da Europa, Ásia, América Latina, África e Estados Unidos no segundo trimestre.

O presidente e CEO da Nokia, Stephen Elop, pediu que os criadores de aplicativos desenvolvessem ferramentas exclusivas para a série Lumia. Segundo Elop, mais de 130 mil já estão disponíveis.

Além disso, anunciou um novo acordo de cooperação com a DreamWorks Animations SKG, que permitirá aos programadores da DreamWorks utilizar os API da Nokia.