Netflix nega aumento de mensalidade no Brasil

Empresa informou que preços serão mantidos no país e que as mudanças afetam somente os EUA

São Paulo – A Netflix negou oficialmente o aumento de preços em junho para o seu serviço de transmissão de filmes e séries.

“Não há aumento de preço, mas sim o fim do período que a Netflix chama de “grandfathering” [apadrinhamento]: estes membros antigos já sabiam desde 2014 que teriam dois anos o preço de suas mensalidades mantidos quando ocorreu o aumento de preço em 2014. O que acontece agora é que eles apenas estão tendo o preço de suas mensalidades igualados ao que está em vigor nos Estados Unidos”, informou a assessoria de imprensa da Netflix no Brasil, que esclareceu também que o aumento não será aplicado aos usuários brasileiros.

A Netflix oferece atualmente três planos: básico (visualização em uma tela), padrão (duas telas e com resolução HD) e premium (quatro telas com resolução 4K.). Os preços variam entre 19,90 reais e 29,90 reais.

Quando chegou ao Brasil em 2011, a empresa oferecia somente um plano, ao custo de 14,90 reais ao mês.