Microsoft planeja dar aos usuários maior controle sobre seus dados

Em fase beta, projeto “Bali” dá ao usuário acesso total sobre as informações que produz

São Paulo – Discretamente, a Microsoft trabalha em um projeto de pesquisa que pode oferecer aos clientes amplo controle sobre seus dados pessoais na internet. Trata-se de um sistema onde todas as informações geradas durante a navegação no Windows ficarão disponíveis de forma clara e acessível aos usuários.

Rumores sobre o novo sistema, que se chamaria “Bali” e estaria em fase beta, surgiram na última quarta-feira (2). Segundo o Business Insider, a imprensa especializada acessou o site – que já está fora do ar – e afirma se tratar de “um novo banco de dados pessoais que coloca os usuários no controle de todos os dados coletados sobre eles. O banco autorizará os usuários a armazenar todos os dados (brutos e inferidos) gerados. [O sistema] permitirá ao usuário visualizar, gerenciar, controlar, compartilhar e monetizar os dados.”

A iniciativa da Microsoft seria uma medida de combate aos casos recentes sobre privacidade envolvendo principalmente as redes sociais. Desde 2014, a empresa defende o combate ao que chama de “privacidade invertida”, termo criado para definir o ato de as empresas terem acesso a dados online aos quais o próprio usuário que os produz não tem.