Microsoft encerra vendas do Windows 7 para fabricantes

A Microsoft continuará a oferecer o suporte de segurança para o Windows 7 até 13 de janeiro de 2015. O suporte estendido está garantido até 14 de janeiro de 2020.

A Microsoft encerrou as vendas das licenças do sistema operacional Windows 7 para as fabricantes de computadores.

Desde a última sexta-feira (31) a Microsoft parou de fornecer licenças para as versões Windows 7 Home Basic, Windows 7 Home Premium e Windows 7 Ultimate aos seus fabricantes parceiros de PCs como Dell, Lenovo e HP.

A partir de agora só será possível comprar um PC com Windows 7 pré-instalado enquanto os estoques das lojas existirem. Todos os novos computadores somente serão vendidos com o Windows 8 ou Windows 8.1 embarcado.

A única exceção serão os computadores corporativos que rodam com o sistema Windows 7 Professional, que continuarão a serem vendidos até o próximo ano.

A Microsoft continuará a oferecer o suporte de segurança para o Windows 7 até 13 de janeiro de 2015. O suporte estendido também está garantido até 14 de janeiro de 2020. 

O Windows 7 atualmente representa 53% de todo o mercado global de sistema operacional para computadores, segundo dados da Net Applications

Para efeito de comparação, o Windows XP (que teve seu suporte encerrado por completo neste ano) ainda representa 17% das máquinas, enquanto o Windows 8 e Windows 8.1 juntos estão presentes em 17% dos computadores. 

Já a próxima versão do Windows, chamada de Windows 10, deve chegar aos consumidores somente na metade de 2015.