Mercedes-Benz e LG criam carros que freiam sozinhos

O sistema inteligente pode ativar os freios de forma automática para evitar colisões e atropelamentos, bem como monitorar o motorista

A Mercedes-Benz e a LG anunciaram nesta semana uma aliança para desenvolver carros parcialmente autônomos. O sistema inteligente pode ativar os freios de forma automática para evitar colisões e atropelamentos, bem como monitorar o motorista.

A fabricante sul-coreana irá fornecer os sistemas de câmeras mono e estéreo que são usadas para detectar o ambiente, dessa forma, reunindo informações cruciais para manter o veículo na faixa correta, acender faróis quando necessário e parar automaticamente quanto encontrar pedestres ou ciclistas a frente.

Além disso, a LG será a responsável pelos sensores biométricos que podem identificar se o motorista está acordado, qual é o seu nível de cansaço e, com base nisso, o sistema fica para o caso de possíveis distrações.

Em troca do forncecimento das câmeras, a Mercedes-Benz irá licenciar parte da tecnologia de condução autônoma chamada 6D Vision para que a LG a utilize com outras montadoras de veículos.

O resultado dessa parceria entre as empresas será revelado durante a feira de tecnologia CES 2015, que acontece entre os dias 4 e 9 de janeiro, em Las Vegas, nos Estados Unidos.

A linha de carros inteligentes da empresa, a S-Class, começará a percorrer as ruas da Califórnia e identificar padrões de trânsito em breve. Os automóveis com essa tecnologia só devem chegar ao mercado em aproximadamente dez anos e eles não são totalmente autônomos, somente auxiliam o motorista. O sistema de condução, que pode chegar ao nível de dispensar o motorista em alguns momentos, é semelhante ao usado pela Mercedes em caminhões.

Uma série de empresas trabalham em veículos parcialmente autônomos, como Volvo, Audi e até mesmo o Google.