MercadoLivre e aceleradora fazem acordo para programa de startups

São Paulo – O MercadoLivre e a aceleradora Wayra, do Grupo Telefônica, anunciaram uma parceria para desenvolver um programa de seleção de startups brasileiras que...

São Paulo – O MercadoLivre e a aceleradora Wayra, do Grupo Telefônica, anunciaram uma parceria para desenvolver um programa de seleção de startups brasileiras que trabalham com novas ferramentas para e-commerce.

Por meio do MercadoLibre Commerce Fund, fundo de investimentos do serviço eletrônico, serão disponibilizados 10 milhões de dólares para apoiar jovens empresas capazes de explorar a plataforma do MercadoLivre a partir de seus códigos de programação.

Nesse processo, também serão selecionadas startups que ainda estão em fase inicial de desenvolvimento, mas que apresentam um modelo de negócio capaz de ser rentável no futuro.

Ao lado da Wayra, haverá um programa de aconselhamento para empreendedores, com mentorias de pessoas ligadas ao mercado de tecnologia e suporte para a realização dos projetos.

O projeto da Wayra e do MercadoLivre já foi realizado na Argentina, onde as startups Parismotion, Nubimetrics e MrPresta receberam 100 mil dólares para desenvolver seu modelo de negócio.

Voltada para os mercados da Europa e da América Latina, a aceleradora conta com sedes em 12 países, como Argentina, México, Colômbia, Inglaterra, Alemanha e República Tcheca. No Brasil, a instituição receberá apoio do governo federal por meio do programa Start-Up Brasil, que pretende investir até 36 milhões de reais em 100 startups previamente selecionadas.