Leilão de 4G deve ocorrer em maio, diz Paulo Bernardo

"O edital deve sair em abril e o leilão deve acontecer em maio", disse o ministro

Brasília – O leilão da faixa de frequência de 2,5 GHz, para o serviço de quarta geração da telefonia móvel (4G), deverá ocorrer em maio, disse nesta terça-feira o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo.

“O edital deve sair em abril e o leilão deve acontecer em maio”, disse o ministro, durante o seminário Políticas de Telecomunicações, em Brasília.

Bernardo afirmou ainda que o pacote de desonerações para redes de telecomunicações, anunciado ano passado, deve sair do papel em março, por meio de Medida Provisória. Mas os efeitos práticos para as empresas deverão começar a se fazer sentir em julho.

“Tem uma etapa preparatória. As empresas tem de fazer projetos para obter anuência da Fazenda (Ministério). Então achamos que é razoável prever que estará funcionando a partir de primeiro de julho”, disse.

Bernardo disse ainda que o governo pretende incluir os smartphones nos benefícios fiscais da chamada “Lei do Bem”, que já são aplicados aos tablets.