Itaim Bibi: o centro das oficinas de customização de motos

A região concentra hoje os "laboratórios" mais cool de motocicletas montadas sob medida

Shibuya Garage Moto customizada Shibuya Garage

Moto customizada Shibuya Garage (Shibuya Garage/Divulgação)

Encontrar uma máquina “original de fábrica” que represente a sua personalidade e o seu lifestyle não é uma tarefa fácil.

Talvez essa seja a maior justificativa para a invasão de motos customizadas em nossas ruas e estradas.

Segundo o ex-piloto de Fórmula 1 e já respeitado customizador Tarso Marques, “alguns clientes chegam com uma ideia na cabeça e a oficina ajuda a traduzir esse conceito em um estilo que represente o condutor, desde o cara mais ‘old school’, passando pelos ‘choppers’ até os ‘cafe racers’ mais ousados”.

steelcd8

 (Reprodução/Instagram)

Todos esses tipos se encontram na Caverna, oficina de Tarso no Itaim Bibi, ou em outros estabelecimentos do mesmo estilo que se multiplicam nesse bairro da zona oeste de São Paulo.

Caso você ainda não tenha reparado na profusão de motociclistas por ali, saiba que o Itaim Bibi concentra hoje uma espécie de hub de oficinas de motos customizadas.

“A região é tranquila e de fácil acesso para os clientes e seu público-alvo, além de ser um bairro com dupla personalidade: comercial durante o dia e com uma agitada vida noturna”, diz Ricardo Medrano, empresário e fundador da Johnnie Wash, instalada no bairro há mais de 10 anos.

johnniewash

 (Reprodução/Divulgação)

Rotular esses estabelecimentos como oficinas pode ser simplista, tendo em vista o que oferecem.

Em alguns, sua moto vai dividir espaço com restaurante, bar, palco para shows (de rock’n’roll, de preferência), loja de roupas e capacetes e até estúdio de tatuagem.

Conheça ao lado os principais parques de diversão da região.

 

1. Johnnie Wash

 (Reprodução/Divulgação)

Antes de criar uma das mais importantes garagens de customização do país, Ricardo Medrano se formou em arquitetura e se arriscou como DJ. Por hobby, modificava suas próprias motocicletas.

“Muitos amigos viam o que eu fazia com minhas máquinas e pediam para que eu as vendesse”, diz.

Em 2005, criou a Johnnie Wash, o primeiro complexo do Brasil voltado a esse estilo de vida, como ele define.

Além da oficina de personalização, o prédio de três andares oferece loja de acessórios e peças, serviço de lavagem, barbearia, restaurante, bar e um rooftop.

Portfólio: criou mais de 160 motos exclusivas de montadoras como Yamaha, Triumph e Harley-Davidson.

O mais recente prêmio internacional que ganhou foi o BMW Customizing Challenge, depois de apresentar uma customização para o modelo R NineT.

Onde fica: R. Gomes de Carvalho, 815

 

2. A Caverna

caverna

 (Kadu Pinheiro/Divulgação)

Tarso Marques é obcecado por design e se tornou uma referência graças ao seu conceito arrojado de customização.

Em sua oficina, existe maquinário para fazer a construção de uma nova moto.

“Somos a única empresa do país que realmente fabrica todas as peças do zero”, afirma com orgulho o ex-piloto, que recebe pessoalmente seus clientes para entender o estilo e o tipo de uso que darão para as motocicletas.

Tarso desenvolve os projetos em 3D para aprovação e só depois inicia a produção da moto 100% personalizada.

caverna

 (Kadu Pinheiro/)

Portfólio: da oficina saem motos de diferentes estilos (customs high-tech, baggers, choppers, cafe racers, nakeds, scramblers) e as criações marcantes de Tarso deixam-nas irreconhecíveis.

Duvidamos que alguma das customizadas por ele passaria despercebida por você na estrada.

Onde ficaR. Gomes de Carvalho, 551

 

3. Steel CD8

steelcd8

 (Reprodução/Instagram)

Além de oficina com foco em customização e na melhora de performance, tem uma loja de acessórios e capacetes personalizados.

O cliente leva a ideia ou projeto que viu na internet, discute a viabilidade e sai com orçamento de acordo com quanto pode pagar, que, dependendo da customização, pode chegar a R$ 20 mil.

Portfólio: grande parte das personalizações é feita a partir de Harleys.

Onde fica: R. Baluarte, 642

 

4. Shibuya Garage

shibuya garage

 (Reprodução/Divulgação)

O nome vem de um bairro de Tóquio de cenário underground.

Por aqui, o ambiente tem bar, hamburgueria, loja de acessórios e, claro, a oficina completa que deixa evidente a paixão do designer Teydi Deguchi.

Suas criações exibem um estilo mais “dark”, mas sofisticado.

shibuya garage

 (Reprodução/Divulgação)

Portfólio: destacam-se as customizações em Triumph e Ducati, que ficam com cara de poucos amigos.

Onde fica: Av. Brig. Faria Lima, 4565

 

5. Hot Custom

hotcustom

 (Reprodução/Divulgação)

Foi criada em 1999 por um ex-consultor técnico que já construía peças para sua Honda CB 400 como hobby. O

interesse dos amigos de Jimmy Bello fez surgir os primeiros pedidos. De lá para cá, nunca mais largou a oficina.

Em 2010 se mudou para a Vila Olímpia, que chama de “meca dos harleyros de São Paulo”.

hotcustom

 (Reprodução/Divulgação)

Portfólio: as pinturas exclusivas nos tanques se tornaram marca registrada.

Onde fica: R. Gomes de Carvalho, 577

 

6. Benta Handmade machines

benta

 (Divulgação/Facebook)

Oferece diversas possibilidades de cafe racers, streets e scramblers, além de vender os capacetes cool da Urban Helmets.

Os projetos não agridem a ciclística original, o que garante boa ergonomia e funcionalidade para as motos serem usadas no dia a dia.

benta

 (Divulgação/Facebook)

Portfólio: destaque para os projetos sobre as motos clássicas, como a Honda CB750 Four de 1970.

Onde fica: R. Brejo Alegre, 319

 

Quanto vale o show?

Seu bolso é o limite. As oficinas permitem personalização completa, em que a mais simples (que envolve pintura de carenagem e revestimento de banco) fica em torno de R$ 4 mil.

 

O mapa da mina

mapa

 (Reprodução/Revista VIP)

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
Aceito receber ocasionalmente ofertas especiais e de outros produtos e serviços do Grupo Abril.
Política de Privacidade