iPhone 3G é homologado para venda no Brasil

Em documento emitido na terça-feira (12/08), a Anatel informa que o aparelho obteve certificado do Instituto Brasileiro de Certificação e já pode ser comercializado

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) homologou na terça-feira (12/08) o iPhone, da Apple, para comercialização no Brasil.

No documento, a agência informa que o aparelho obteve o certificado de conformidade emitido pelo Instituto Brasileiro de Certificação e poderá operar nas tecnologias GSM, WCDMA, HSDPA, GPRS e EDGE.

A Anatel informa ainda que o fornecedor do produto no Brasil deverá providenciar a identificação do produto homologado antes de distribuir no mercado. O pedido de homologação foi feito pela Apple Computer do Brasil e a fabricação é feita na localidade chinesa de Shenzhen.

Também foram emitidos na terça-feira os certificados que homologam as baterias, fabricadas pela Sony e pela Samsung, e o carregador do iPhone 3G, produzido pela Flextronics, indispensáveis para a comercialização do aparelho.

As operadoras Claro, TIM e Vivo já manifestaram interesse em distribuir o iPhone, assim como a Oi, que informou que também pretende entrar na briga para vender o aparelho desbloqueado.

Procurada pela reportagem de EXAME, a Claro informou que vai divulgar os prazos após definições com a Apple. A TIM informou que está finalizando as negociações para comercializar o aparelho. A Vivo e a Oi também não se pronunciaram sobre o assunto.

Cronograma de lançamento

No dia 22 de agosto, a Apple deverá lançar o iPhone em mais 20 países, e incluiu a América Latina na lista – Argentina, Chile, Colômbia, Equador, El Salvador, Guatemala, Peru e Uruguai. No entanto, até então, o Brasil havia ficado de fora do cronograma. Agora com a homologação, o sinal verde foi dado para o lançamento no país, embora o prazo esteja curto para que a data seja cumprida também por aqui. Procurada, a Apple Brasil disse não ter informações oficiais por enquanto.

Entre os outros países que devem receber o iPhone na próxima semana estão Índia, República Tcheca, Estônia Polônia, Romênia, Filipinas e Hungria.