Veja como deve ser o Pixel, novo smartphone do Google

Imagens e informações do Pixel e de seu irmão maior, o Pixel XL, apareceram na internet um dia antes de o Google anunciar os dispositivos

São Paulo – Um dia antes de o Google anunciar seus novos smartphones, imagens dos aparelhos e informações revelando suas especificações apareceram na internet. O smartphones marcam uma nova estratégia do Google, que deve abandonar a marca Nexus. Nas imagens, não é possível ver menção a qualquer outra empresa, como seria usual em um Nexus, que estampava a marca de sua fabricante.

Ao que tudo indica, serão dois modelos com tamanhos diferentes de telas. O Pixel virá com display de 5 polegadas. Outro, chamado Pixel XL, terá tela de 5,5 polegadas. Os produtos virão rodando Android.

Em termos de design, eles são praticamente idênticos e devem vir em preto ou branco. Uma diferença no visual dos Pixels, em comparação com os dispositivos Nexus, é que eles têm um G, marca do Google, em suas partes traseiras (veja nas imagens).

Fazendo um giro rápido pelas configurações, eles devem vir com processador Snapdragon 820, 4 GB de RAM, sensor de impressões digitais na traseira, 32 GB ou 128 GB de armazenamento e bateria de 2.770 mAh para o menor e de 3.450 mAh para o maior.

A tela do Pixel terá resolução de 1.080 x 1.920 pixels (Full HD). Já a tela do Pixel XL virá com resolução de 1.440 x 2.560 pixels (Quad HD). Ao lado da porta USB-C há dois espaços retangulares que parecem ser dois alto-falantes.

O material que vazou faz menção a alguns apps do Google, como Fotos, Duo (para chat em vídeo) e Allo (o competidor do WhatsApp lançado recentemente). Parece que o Duo e o Allo serão sincronizados com o assistente pessoal do Google.

Uma imagem revela o retorno das Live Cases, capas customizáveis que foram apresentadas no início deste ano. Ainda não há informação sobre o preço desses acessórios.

A responsável pelo vazamento foi a loja britânica Carphone Warehouse, segundo o 9to5Google, site especializado em notícias sobre o Google. As páginas publicadas no site da Carphone Warehouse agora mostram um erro.