Microsoft diz que headset de realidade virtual chegará a programadores no ano que vem

Segundo Satya Nadella, primeira versão do headset será mais focada nos desenvolvedores e nas empresas

A primeira versão (V1) do headset de realidade virtual da Microsoft, o HoloLens, será enviada para programadores no ano que vem. A afirmação é do CEO da empresa, Satya Nadella, em entrevista à emissora BBC.

Segundo ele, a V1 será mais focada nos desenvolvedores e nas empresas. “A Microsoft terá versões do HoloLens para desenvolvedores primeiro e, em seguida, versões para uso comercial”, disse. Durante a entrevista, Nadella também revelou que o headset é resultado de uma jornada de cinco anos.

No começo de julho, o CEO já havia dito ao site de tecnologia Zdnet que, primeiramente, o HoloLens seria mais utilizado por empresas e desenvolvedores. “Games serão sempre um cenário e haverá outros de entretenimento em geral. Mas, com a V1 do HoloLens, eu quero ver muito mais o uso empresarial”, disse.

“No geral, a abordagem da Microsoft será sempre esse foco de dupla utilização, ou este multifoco. O que podemos fazer exclusivamente é ser a ponte do consumidor para a empresa. Isso está em nosso DNA”, disse Nadella ao site.

“Isso está até na nossa missão de empoderar pessoas e organizações. Quero que cada tecnologia nossa busque isso. No caso do HoloLens, quando eu olho para os interessados, é incrível como muitos estão em hospitais, cuidados com a saúde, varejo. É onde vejo o interesse e certamente iremos atrás dele”, afirmou o CEO.

A aposta é que a empresa mostre a primeira versão do HoloLens em sua conferência para desenvolvedores no próximo ano, permitindo que sejam criados aplicativos universais do Windows para o dispositivo.

Assista a entrevista completa de Nadella à BBC (em inglês):

http://www.bbc.co.uk/programmes/p02yhy3m/player

Fonte: Piptell.