HNS Americas e Star One levam duas posições de satélite cada

Para a primeira posição, a HNS ofereceu 145,2 milhões de reais, ágio de mais de 3.500 por cento

Brasília – A Star One e a HNS Americas foram as vencedoras do leilão dos direitos de exploração de posições de satélites feito pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) nesta terça-feira.

Cada uma venceu dois direitos de exploração.

O total licitado pela agência para o leilão foi de 254,4 milhões de reais, com ágio médio de 1.512 por cento. O preço mínimo estipulado pelo governo foi de 3,945 milhões de reais por unidade.

Para a primeira posição, a HNS ofereceu 145,2 milhões de reais, ágio de mais de 3.500 por cento.

Nas segunda e terceira posições, a Star One, do grupo Embratel, ofereceu 37 milhões de reais por cada, representando um ágio de 837 por cento.

Para última posição, a HNS venceu com 35,2 milhões de reais, ágio de 1.512 por cento.