Hackers utilizam fotos Kadafi para difundir vírus por e-mail

Golpistas usam imagens do cadáver do ditador Muamar Kadafi para espalhar vírus por e-mail

Washington – Uma empresa de segurança de computadores alertou nesta sexta-feira que hackers estão explorando as fotos da Agence France-Presse do cadáver do ditador Muamar Kadafi para espalhar vírus por e-mail.

O e-mail contém um software desenhado para infectar computadores pessoais que funcionem com o sistema operacional Windows, afirmou Graham Cluley, consultor de tecnologia da empresa de segurança computacional britânica Sophos.

“Os hackers divulgaram um spam enganando os usuários, enviando um e-mail de alguém conhecido com as as supostas fotos da agência de notícias AFP da morte de Kadafi”, disse Cluley em um blog.

Cluley declarou que o e-mail que chega aos usuários finge ser da “AFP Photo News” e oferece “fotos sangrentas” da morte de Kadafi.

A AFP foi a primeira agência internacional de notícias a divulgar uma foto do corpo de Kadafi após sua morte na quinta-feira, mas não enviou um e-mail com essas características.

O e-mail malicioso na verdade não contém fotos da AFP, mas as promete no assunto da mensagem, disse Cluley à AFP por telefone.

“O arquivo do e-mail contém um vírus”, disse.