Gravações feitas no WhatsApp viram histórias de ninar para crianças de abrigos

Em abril, a entidade convidou voluntários a comparecer a algumas livrarias parceiras de São Paulo para ler trechos de livros infantis pré-selecionados

Tem WhatsApp no seu celular? Sabe ler? Então você poderia ter ajudado a alegrar a noite de muitas crianças que vivem em abrigos e nem ficou sabendo. A Casa da Criança de Santo Amaro, em parceria com a agência Mood, criou a iniciativa Mensagens de Ninar, que pretende levar aos pequenos que vivem em lares temporários a experiência de dormir ao som de uma gostosa história de ninar.

Em abril, a entidade convidou voluntários a comparecer a algumas livrarias parceiras de São Paulo para ler trechos de livros infantis pré-selecionados. A leitura era captada pelo celular do próprio narrador, gravada como mensagem de áudio no WhatsApp e enviada a Casa da Criança de Santo Amaro instantaneamente.

Agora, a entidade vai compilar todos os trechos gravados por voluntários e criar audiolivros com vários contos de ninar. Toda a noite, uma historinha será colocada para tocar para os pequenos que vivem na Casa da Criança de Santo Amaro e para muitas outras crianças Brasil afora. Isso porque a entidade pretende criar uma espécie de biblioteca virtual na rede, para que abrigos de todo o país possam baixar e tocar as histórias para suas crianças.

De acordo com a entidade, ouvir contos antes de dormir diverte as crianças e, mais do que isso, ajuda no seu desenvolvimento, estimulando a criatividade e o gosto pela leitura. Boa ideia para replicar por aí?