Google vai oferecer contas correntes a usuários, diz WSJ

Projeto, chamado Cache, terá contas junto com o Citigroup e uma cooperativa de crédito da Universidade de Stanford

Bangalore — O Google oferecerá serviço de contas correntes a seus clientes a partir o próximo ano em um impulso em direção ao setor financeiro, publicou o Wall Street Journal nesta quarta-feira.

O projeto, chamado Cache, terá contas junto com o Citigroup e uma cooperativa de crédito da Universidade de Stanford, segundo a reportagem.

Veja também

“Nossa abordagem será fazer uma parceria profunda com bancos e o sistema financeiro”, disse Caesar Sengupta, gerente geral e vice-presidente de pagamentos do Google, em entrevista ao jornal.

“Pode ser um caminho um pouco mais longo, mas é mais sustentável”, disse Sengupta, segundo a notícia.

O Google não respondeu de imediato a um pedido de comentário da Reuters.