Google Reader será desativado em julho

Buscador justifica o encerramento do serviço pela diminuição do uso do Reader e para se focar em menos produtos

O Google vai aposentar o Google Reader em julho diante da menor procura pelo aplicativo, lançado em 2005 para reunir conteúdo de feeds na internet.

“Há duas razões simples para isso: o uso do Google Reader tem diminuído e estamos canalizando toda nossa energia em menos produtos”, disse o Google em blog oficial na quarta-feira.

Usuários e desenvolvedores interessados em outras opções podem exportar seus dados, incluindo assinaturas, com o serviço Google Takeout ao longo dos próximos quatro meses.