Google permitirá colocar data de expiração nos e-mails

Os usuários do Gmail vão ter uma opção para que mensagens expirem depois de um período estabelecido, melhorando a segurança das informações

Nova Iorque – O Google permitirá colocar “data de expiração” aos e-mails enviados desde sua nova versão do Gmail, que a partir desta quarta-feira estará disponível para teste aos mais de 1,4 bilhão de usuários no mundo.

“Um novo modo confidencial permite controlar como sua mensagem é enviada, copiada, disponibilizada para download ou impressa, o que é útil quando é preciso enviar informação sensível”, disse a firma californiana em comunicado.

Dentro desse modo, existe uma “opção de fazer com que uma mensagem expire depois de um período de tempo estabelecido para ajudar a manter o controle de sua informação”, acrescentou o Google.

Segundo indicou ao portal “The Verge” o responsável de produto do Gmail, Jacob Bank, a nova versão procura melhorar a produtividade e a segurança dos usuários e utiliza a gestão integrada de direitos (IRM, por sua sigla em inglês) e autenticação de dois fatores (2FA).

No entanto, Bank indicou a esse portal que o modo confidencial estará disponível “nas próximas semanas”, ao contrário do resto de funcionalidades da versão.

Através de sua nova versão, o Gmail facilitará a abertura de arquivos anexados e fotos desde a caixa de entrada sem ter de acessar as conversas.

De acordo com o manual de novidades, também poderá ser arquivado, eliminado, marcado como lido ou não lido um e-mail sem necessidade de abri-lo, e haverá um botão de repetição para adiar sua leitura a outro momento mais conveniente.

Além disso, a nova versão inclui alertas para dar seguimento a mensagens recebidas há vários dias, para que os de alta prioridade emitam notificações e para identificar os potencialmente perigosos.

“Aumentamos dramaticamente o nosso investimento na proteção do phishing (crime informático)”, manifestou Bank sobre esta última função, que tingirá de vermelho as mensagens com risco de ser fraudulentas e serão acompanhadas de advertências.

Para evitar que o acúmulo de e-mails, o Gmail também começará a sugerir quando cancelar as assinaturas a boletins ou ofertas, apontando a última vez que as mensagens foram abertas.

Outra novidade é a implementação da “resposta inteligente”, que permite selecionar frases para responder rapidamente a uma mensagem, e a possibilidade de abrir aplicativos como Calendar, Keep e Tasks dentro de Gmail, em uma barra lateral.

Para testar a nova versão, os usuários deverão operar o Gmail no navegador e selecionar essa opção, clicando no ícone de configuração, apontou o Google, que permitirá voltar ao email “clássico” se assim desejarem.