Golpe no WhatsApp promete 14º salário

Mensagem já atingiu mais de 350 mil pessoas

São Paulo – Um novo golpe se propaga pelo WhatsApp disseminando a falsa mensagem de que quem teve carteira assinada entre os anos de 1998 e 2016 tem direito a receber um 14º salário, com valor de um salário mínimo (937 reais).

De acordo com a empresa de segurança digital PSafe, a vítima é direcionada a uma página que o leva a responder a três perguntas simples. Como muitos outros, é proposto ao usuário compartilhar a mensagem com outros contatos do WhatsApp.

Golpe-14-Salário-WhatsApp

(PSafe/Reprodução)

O golpe induz a vítima a permitir o envio de notificações no navegador Google Chrome. Por meio desse canal, o cibercriminoso envia novos golpes, que podem gerar cobranças ou roubar dados pessoais.

A mensagem já atingiu mais de 350 mil pessoas, de acordo com a PSafe.

Três recursos pouco conhecidos do WhatsApp