Fifa testará captação 4K com 12 câmeras na Copa

Além da captação das imagens, a Fifa terá gráficos e narradores exclusivos para os jogos em 4K

São Paulo – A Fifa fará, em parceria com a Sony, o teste de captação em 4K dos jogos da Copa do Mundo deste ano utilizando 12 câmeras, três a mais do que nos testes feitos na Copa das Confederações, no ano passado.

Segundo o diretor da divisão de TV da entidade do futebol, Niclas Ericson, serão usados para os testes os jogos realizados no Maracanã, pelo tamanho do estádio, que facilita a colocação de câmeras extras, por ser a sede da final e por sediar também o International Broadcasting Center.

Na Copa das Confederações os testes foram feitos no Mineirão.

Além da captação das imagens, a Fifa terá gráficos e narradores exclusivos para os jogos em 4K. Mas não há ainda definição de emissoras no mundo que pretendam transmitir os jogos ao vivo.

“Estamos negociando, talvez alguém na Ásia faça”, disse Ericson, que participou de sessão no MipTV, em Cannes. Ele explicou que os direitos foram negociados de forma a já incluir o 4K, ou seja, não existe custo extra nesse aspecto.

A decisão de transmitir ao vivo é essencialmente tecnológica e de custos de produção.

Os parceiros da Fifa no teste são, além da Sony, a HBS (geradora oficial dos jogos), a Telegenic e a Globosat. Parte do staff dos testes será da programadora brasileira.

Além dos testes em 4K, também serão feitos testes com captação em 8K, a cargo da emissora japonesa NHK. Serão usadas cinco câmeras, e o resultado será downcoverted para 4K para uso nas demais transmissões.