Ferramenta de dados para lavoura chega ao Brasil

Por meio de sensores e dados, FieldView auxilia produtores na tomada de decisões. Produto foi lançado pela Climate, subsidiária da Monsanto

São Paulo — Uma nova ferramenta promete aliar tecnologia e análise de dados para auxiliar a produção agrícola brasileira. A tecnologia em questão é a FieldView, da Climate, uma subsidiária da gigante Monsanto. “Com nosso produto, fazendeiros podem se tornar mais lucrativos”, afirma a EXAME.com Brian Zimmer, vice-presidente da Climate.

A tecnologia é um apanhado de sensores, iPad e uma grande quantidade de dados que são analisados e fornecem soluções baseadas nessas informações. “Dados ajudam os produtores a não ter que realizar experimentações para aprimorar a produção”, diz Zimmer. De acordo com ele, a “tecnologia pode mudar a produção agrícola”.

A empresa afirma que o produto é simples de ser usado. O executivo afirma a EXAME.com que boa parte dos produtores começa a usar rapidamente e com pouco suporte as principais ferramentas do FieldView.

Alguns ajustes foram feitos na tecnologia antes de sua chegada ao Brasil. Por aqui, diferente de outros países onde a Climate atua, como os Estados Unidos, não existe garantia de conectividade no campo. Por conta disso, o produto foi adaptado para que funcione sem uma conexão à internet em tempo integral.

Entre as informações que os produtores podem obter usando o FieldView estão nível de nitrogênio no solo, análise de desempenho das sementes para auxílio na escolha, entre outras.

O lançamento oficial chega após dois anos de testes realizados com produtores de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia, Paraná, Rio Grande do Sul e Minas Gerais, de acordo com a empresa.

O preço do produto varia, mas tem média de 15 reais por hectare. Para mais informações, acesse o site da Climate no Brasil.