Este gigante da natureza está a um passo da extinção

Em 20 anos, caça ilegal dizimou 70% da população do maior primata vivo do mundo

São Paulo – Na semana em que o mundo festeja a saída do panda gigante da lista de espécies mais ameaçadas de extinção, outro gigante da natureza passou a integrá-la: o gorila oriental  (Gorilla beringei). O maior primata vivo do mundo foi listado como ‘criticamente ameaçado’ devido à caça ilegal, de acordo com a última atualização da Lista Vermelha lançada pela União Internacional para Conservação da Natureza (IUCN).

O gorila oriental foi alçado ao mais alto grau de risco devido ao declínio devastador em sua população — de mais de 70% em 20 anos. Atualmente, restam menos de 5.000 representantes, que abarcam duas subespécies encontradas nas florestas do Congo, o gorila-de-grauer e o gorila da montanha. 

Apesar de ser ilegal, as atividades de abate e captura ainda são a maior ameaça para esses animais. Os grandes espécimes são alvo fácil porque são facilmente identificados, além de serem mais lucrativos.

Se abatidos, rendem muitos quilos de carne e suas mãos são transformadas em um souvenir mórbido – cinzeiro – vendido a cifras altas no mercado negro. Se mantidos vivos, eles são explorados por indústrias de entrenimento e zoológicos de reputação duvidosa, e até mesmo para atividades de prostituição.

(Getty Images/EXAME.com)

Com isso, quatro dos seis grandes primatas – o gorila oriental, gorila ocidental, orangotango de bornéu e o orangotango de sumatra – agora estão ‘criticamente em perigo’, enquanto o chimpanzé e bonobo são listados como ‘ameaçados’ de extinção.

“Ver o gorila oriental, um dos nossos primos mais próximos, tão perto da extinção é verdadeiramente angustiante”, disse em nota Inger Andersen, diretora geral da IUCN.

“Nós vivemos em uma época de grandes mudanças e cada atualização da Lista Vermelha nos faz perceber o quão rapidamente a crise global de extinção está aumentando. É nossa responsabilidade reforçar os nossos esforços para virar a maré e proteger o futuro do nosso planeta”.

A situação crítica desses animais virou tema do documentário indicado ao Oscar Virunga, disponível no Netflix, que conta a história verídica dos guardas que arriscam a vida para proteger o parque nacional mais precioso da África e seus gorilas.