Curitiba terá radares de trânsito que detectam velocidade média

O objetivo acabar com a prática de dirigir em alta velocidade

A cidade de Curitiba, no Paraná, irá implementar, nos próximos dias, radares de trânsito que detectam a velocidade média dos veículos. Multas não serão aplicadas porque infrações por velocidade média não estão previstas no Código de Trânsito Brasileiro.

Os dois aparelhos que medem o tempo de deslocamento entre dois pontos ficarão na Av. Fredolin Wolf. O espaço entre os radares é de 950 m. O limite na avenida é de 60 km/h, portanto, o período máximo recomendado é de 60 segundos, mas o motorista seria multado caso fizesse o percurso em menos de 57 segundos.

Inicialmente, a medida é experimental e servirá para que os engenheiros de trânsito do município identifiquem a velocidade dos carros.

Vale notar que autoridades de diversas cidades brasileiras demonstraram interesse no uso de radares de velocidade média e a aprovação deste tipo de infração está em análise no Congresso, como informa o jornal O Estado de S. Paulo.

A iniciativa tem o objetivo acabar com a prática de dirigir em alta velocidade e reduzir antes de passar por um radar de trânsito.

Quanto custam os sedãs compactos mais vendidos do Brasil

Clique para abrir o link no navegador