Criador de Breaking Bad diz que pirataria ajudou em sucesso

“A pirataria levou muitas pessoas a assistirem a série, algo que não aconteceria se não tivessem esse acesso”, disse criador Vince Gilligan, em entrevista a BBC

A indústria do entretenimento vem mudando sua postura com relação à pirataria online e o criador da série “Breaking Bad”, Vince Gilligan, reforçou este coro ao afirmar que o movimento fez crescer a audiência do programa.

“A pirataria levou muitas pessoas a assistirem a série, algo que não aconteceria se não tivessem esse acesso”, disse Gilligan em entrevista a BBC.

Gilligan já havia declarado que a internet foi a principal responsável pelo crescente sucesso e interesse do público na série. Além disso, a estreia do programa no Netflix também ajudou a inflar o interesse das pessoas.

Apesar de reconhecer a ajuda da pirataria, Gilligan aponta que a falta de opções legais para downloads acaba prejudicando as pessoas que trabalharam no desenvolvimento da série.

O episódio final da série, que foi ao ar no dia 29 de setembro, registrou mais de 500 mil downloads apenas nas primeiras 12 horas após a exibição na TV.

A AMC, emissora responsável pela série, oferece os programas em seus canais online, mas optou por não liberar um streaming gratuito, mesmo com anúncios, do episódio final e perdeu a oportunidade de obter visualizações legais do programa entre os milhares de usuários que optaram por baixar ilegalmente.