Coreia do Norte desenvolve submarino com mísseis nucleares

Se for verdade, o artefato pode significar uma nova ameaça para os Estados Unidos e seus aliados asiáticos na região

A Coreia do Norte parece estar trabalhando para criar, entre quatro e cinco anos, um submarino capaz de atirar mísseis nucleares, disse um oficial sul-coreano esta segunda-feira (11).

Se for verdade, o artefato pode significar uma nova ameaça para os Estados Unidos e seus aliados asiáticos na região.

As capacidades navais e balísticas norte-coreanas voltaram ao foco após a mídia estatal de Pyongyang ter divulgado no final de semana que os militares realizaram o primeiro teste bem-sucedido de um míssil balístico lançado do navio. De acordo com o militar sul-coreano, as pesquisas do país vizinho começaram em 2012, e um teste similar foi feito há alguns anos.

A Coreia do Norte utiliza uma frota ultrapassada de submarinos soviéticos. Imagens de satélite do ano passado mostraram, no entanto, um novo submarino da até então desconhecida classe “Simpo”. Autoridades sul-coreanas acreditam que este foi o navio usado no teste do disparo.