Como o Google ajuda você a encontrar as promoções na Black Friday

Pesquisas aumentam 57% em relação a uma sexta-feira comum

São Paulo – O Google é a principal ferramenta de buscas da internet mundial e, por isso, também é onde as pessoas pesquisam sobre descontos em datas como a Black Friday. A empresa de tecnologia faz uma “operação de guerra” em seus escritórios e nos de seus parceiros do varejo para encontrar e mostrar aos usuários as melhores ofertas de produtos de diversas categorias, especialmente os smartphones e eletroeletrônicos em geral, que lideram as tendências de compras neste ano.

Para facilitar a comunicação das redes de varejo com os internautas, o Google fornece relatórios de tendências de pesquisa de hora em hora para mostrar o interesse do público. Com base nisso, as empresas alinham suas estratégias de promoções para buscar oferecer o preço mais competitivo no momento certo.

De acordo com o Google, as pesquisas online na Black Friday aumentam 57% em relação a uma sexta-feira comum. A categoria de eletroeletrônicos, em especial, tem crescimento acima de 100%.

 (Site EXAME/Site EXAME)

As técnicas de aprendizagem de máquina são aplicadas pelo Google na análise de comportamento online e intenção de compra. Com base nisso, a empresa posiciona os produtos de forma assertiva, conforme combinado com as lojas virtuais. O varejo já abraçou os relatórios de inteligência como ferramentas importantes para as vendas na Black Friday. “Eles trocaram de vez a intuição pela interpretação verdadeira do que os dados falam para eles”, Gleidys Salvanha, diretora de varejo do Google Brasil.

A publicidade é o principal negócio do Google, em nível mundial. Além de oferecer produtos por meio da sua ferramenta de pesquisas, ela também tem uma plataforma de anúncios online e a seção chamada Google Shopping, que fica dentro de seu buscador.