Com streaming e vinil em alta, downloads pagos caem nos EUA

Enquanto streaming cresceu 54% e venda de vinis registrou alta de 52%, número de downloads pagos caiu 9% nos Estados Unidos em 2014

São Paulo – O uso de serviços de streaming e a venda de discos de vinil aumentaram nos Estados Unidos em 2014. Porém, o número de downloads pagos de música caiu por lá no ano passado.

Os dados são de um levantamento realizado pela empresa Nielsen e divulgado por The Wall Street Journal. De acordo com a pesquisa, os americanos realizaram 106,5 milhões de downloads pagos de álbuns no ano passado. Isso representa uma queda de 9% em relação aos números registrados em 2013. 

Quando se considera o número de downloads pagos de músicas avulsas, a queda é ainda maior: 12%. Eles foram 1,1 bilhão em 2014 – contra 1,26 bilhão em 2013.

Entretanto, mais americanos usaram streaming no ano que passou. Ao todo, 106 bilhões de músicas haviam sido ouvidas por meio de Spotify e outros serviços em 2013. Em 2014, 164 bilhões de músicas foram ouvidas via streaming – o que representa um aumento de 54%.

Segundo a Nielsen, 9,2 milhões de discos de vinil foram vendidos nos Estados Unidos no ano que passou. O número representa um aumento de 52% em relação a 2013. É a maior alta já registrada pela empresa no setor desde o início do monitoramento, em 1991.

No Brasil, os discos de vinil também vêm ganhando espaço. Uma prova disso é o aumento na venda de vitrolas. Em entrevista a EXAME.com, uma loja especializada informou que esperava uma alta de 35% na venda desses aparelhos em 2014 na comparação com o ano anterior.