Claro anuncia as primeiras três cidades com LTE no Brasil

Tele sai na frente e lança rede LTE em Campos do Jordão (SP), Búzios e Paraty (RJ). Cidades funcionarão como testes e cidades-sede da Copa das Confederações podem ter 4G

São Paulo – A Claro se antecipa e sai na frente no lançamento de sua rede 4G. A operadora, que também fora a primeira a lançar uma operação 3G, aproveitou a presença do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, no evento Qualcomm IQ 2012, para anunciar que desde a última segunda-feira, 20, as primeiras redes LTE 4G da Claro entraram em operação nas cidades de Campos do Jordão, em São Paulo, e nas cidades litorâneas de Búzios e Paraty, no Rio de Janeiro.

De acordo com o presidente da Claro, Carlos Zenteno, a operação nessas três cidades funcionará como uma espécie de teste. “Queremos testar exaustivamente a rede, aplicações e variações com fluxo de turistas nessas cidades antes do lançamento comercial da rede 4G nas seis cidades-sede da Copa das Confederações”, conta Zenteno. Segundo ele, é provável que essas cidades-sede tenham sua rede 4G em operação antes mesmo de abril de 2013, prazo estipulado no leilão de 2,5 GHz.

A rede LTE anunciada hoje está operando em frequências de 2,5 GHz autorizadas pela Anatel em caráter experimental. “Estamos nos últimos detalhes para formalizar o pagamento do uso do espectro dos lotes do leilão de 4G e aí passaremos a usar nossas licenças”, diz Zenteno. Quiosques da Claro estão sendo espalhados por Campos do Jordão, Búzios e Parati com modems, smartphones e tablets para serem testados pelos clientes.

O smartphone Razr HD da Motorola, a ser lançado mundialmente em setembro, já está confirmado no portfólio de lançamento comercial do 4G da Claro, que terá cinco devices. Também para o lançamento já foi definido o modem LTE da Huawai, mas é provável que o da ZTE esteja disponível também em breve.

A Ericsson foi a escolhida para montar a infraestrutura LTE nas três cidades e, segundo Zenteno, já foi definida como a responsável pela implementação das redes 4G da Claro nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. “Outros quatro fabricantes ainda estão disputando em paralelo as demais regiões do Brasil e em breve anunciaremos os escolhidos”, revela.