Cientista controla cérebro de colega com o pensamento

O teste permitiu que um dos cientistas enviasse sinais cerebrais pela internet para controlar a mão de outro pesquisador, que estava em outro local

Pesquisadores da Universidade de Washington conectaram os cérebros de duas pessoas pela internet, tornando possível que um controlasse o outro. O experimento demonstra o enorme potencial dessa tecnologia, que liga mentes por meio de conexões eletrônicas.

O teste foi chamado “Comunicação Direta Cérebro-Cérebro em Humanos” e permitiu que um dos cientistas enviasse sinais cerebrais pela internet para controlar a mão de outro pesquisador, localizado em outra área da universidade.

Rajesh Rao forçou Andrea Stocco a mover o dedo indicador para apertar o botão de tiro em um jogo de computador. Os dois alvos da experiência tiveram os cérebros conectados por uma touca magnética, que interpreta e estimula sinais cerebrais.
Essa mesma tecnologia pode permitir no futuro que humanos se comuniquem apenas com o pensamento.