Chefe de divisão de notícias do Twitter renuncia ao cargo

A chefe da divisão de notícias do Twitter, Vivian Schiller, renunciou ao cargo apenas um ano depois de assumir o posto

São Francisco, 9 out (EFE).- A chefe da divisão de notícias do Twitter, Vivian Schiller, renunciou ao cargo apenas um ano depois de assumir o posto, em meio a uma série de mudanças entre altos diretores da rede social.

A notícia da saída de Schiller, anunciada na última hora da quarta-feira pela própria executiva em um tuíte, se transformou nesta quinta-feira em uma das notícias que mais repercutiu na imprensa especializada.

“Estou renunciando ao Twitter para que a nova diretora de meios globais @katies (Katie Jacobs Stanton) possa reorganizar como melhor lhe parecer. Desejo a todo mundo no Twitter o melhor”, afirmou Schiller em que contou de sua saída.

Durante sua breve estadia na rede social, a executiva, que já ocupou em cargos de direção na rede de televisão “NBC” e no sistema de rádio pública americana “NPR”, trabalhou com organizações de imprensa para ajudá-los a integrar a rede social em sua cobertura.

A ex-chefe da divisão de notícias do Twitter trabalhou com Dataminr, uma companhia de gestão de dados sediada em Nova York que desenvolveu o primeiro produto noticioso para a rede social.

O produto, que estreou mês passado, analisa os 500 milhões de tuítes publicados todos os dias e identifica tendências que podem se transformar em notícias.

O anúncio da saída de Schiller é o mais recente entre várias mudanças recentes na direção da empresa. Em junho o diretor-geral de operações, Ali Rowghani, e a responsável pela divisão de imprensa na América do Norte, Chloe Sladden, deixaram seus cargos.

O diretor de produtos do Twitter, Michael Sippey, renunciou em janeiro e em maio Christopher Fry, vice-presidente de engenharia, deixou seu posto.