Câmeras irão monitorar os torcedores no Pacaembu

O projeto irá gravar os torcedores e usar a tecnologia biométrica para fazer o reconhecimento facial de vândalos e usuários de droga

São Paulo – Um novo sistema de segurança com câmeras de alta definição foi instalado no estádio do Pacaembu, em São Paulo.

O projeto irá gravar os torcedores e usar a tecnologia biométrica para fazer o reconhecimento facial de vândalos, usuários de droga e também poderá ajudar na identificação em casos de furto e pessoas envolvidas em brigas. No último domingo (25), o sistema registrou a partida entre Corinthians x Palmeiras.

O objetivo é fazer o reconhecimento de todos os participantes, de acordo com a Polícia Militar e a Federação Paulista de Futebol. A tecnologia também poderá ser usada durante os jogos da Copa do Mundo de 2014.

No Pacaembu, o projeto ainda está em fase de testes. As cãmeras estão direcionadas à arquibancada e há outras fixadas na entrada principal do estádio e nos portões de acesso.

O equipamento possui resolução de até 29 megapixels, de acordo com o Grupo Policom, a Abex Brasil e a NNW, companhias que fornecem a infraestrutura do projeto.

Já o restante da aparelhagem de monitoramento ocupa uma sala do Museu do Futebol, anexo ao estádio do Pacaembu. Todas as imagens são guardadas em um banco de dados.

A Abex Brasil, empresa que fornece o software de reconhecimento facial, afirma que o computador consegue reconhecer um rosto mesmo após algumas alterações.

Outros testes registraram a movimentação nas partidas de Corinthians x São Paulo, Palmeiras x Ajax e Palmeiras x Oeste.