Brasil lidera pedidos para suspensão de contas no Twitter

Relatório que mostra números de pedidos judiciais de dados de usuários e suspensão de contas de 2013 foi divulgado hoje

São Paulo – O Twitter divulgou hoje uma nova versão de seu relatório de transparência, que mostra os números de pedidos judiciais de dados de usuários e suspensão de contas que a rede social recebeu no primeiro semestre de 2013.

De acordo com o relatório, o Brasil foi o líder em pedidos judiciais para a suspensão de contas, com nove requisições oficiais.

No total, os governos nacionais enviaram 60 pedidos de remoção de tweets ou suspensão de contas nos últimos seis meses.

Mas, segundo a rede social, apenas quatro contas foram efetivamente bloqueadas no mundo todo.

O relatório divulgado também mostra que houve crescimento no número de pedidos de dados pessoais dos usuários do Twitter.

1 157 requisições desse tipo foram feitas no primeiro semestre de 2013, sendo que 902 deles foram feitos pelos Estados Unidos. O Brasil é o quarto colocado dessa lista, com 22 pedidos de informações pessoais de usuários da rede social.

No primeiro relatório divulgado após o escândalo de espionagem da NSA ser revelado por Edward Snowden, o Twitter lamentou ainda não ter condições de separar esses pedidos em uma categoria exclusiva.

“Acreditamos que é importante publicar os pedidos feitos pelas agências de segurança nacionais separados dos pedidos que não são secretos, mas não conseguimos estabelecer essa métrica a tempo”, afirmou Jeremy Kessel, diretor jurídico do Twitter.