Ataques de tubarões fazem Google reforçar cabos de dados

Um vídeo de vigilância mostra o exato momento em que um tubarão morde um dos cabos de fibra óptica, que são responsáveis por transportar o tráfego da internet

O Google terá que reforçar alguns dos cabos de dados submarinos após uma série de mordidas de tubarões. Um vídeo no YouTube mostra um animal em ação. As informações são do veículo The Guardian.

Os cabos de fibra óptica são responsáveis por transportar o tráfego da internet ao redor do mundo. Cada cabo é feito de muitas fibras ópticas individuais que, apesar de delicadas, podem transmitir dados de até 1 Gigabit por segundo, cerca de 100 vezes mais rápido do que os cabos de cobre.

Esses cabos, que estão no Oceano Pacífico, estão encapados por uma série de camadas de proteção contra impactos e movimentos que podem quebrar as fibras de vidro. Mas um vídeo de vigilância mostra o exato momento em que um tubarão morde um dos cabos. Especula-se que os tubarões sejam atraídos pelo campo magnético criado pela alta tensão que atravessa a estrutura submarina.

Segundo o The Guardian, um gerente de produtos do Google afirmou que a empresa já trabalha para reforçar os cabos e evitar danos maiores. O novo revestimento será semelhante ao usado em coletes à prova de balas. Será de Kevlar, um material leve e mais resistente que o usado atualmente.

A empresa acredita que a medida fará com que as mordidas de tubarão deixem de ser uma ameaça ao funcionamento do equipamento. Veja abaixo o vídeo que mostra um tubarão no momento do ataque a um dos cabos submarinos do Google:

//www.youtube.com/embed/1ex7uTQf4bQ