Asus lança notebook que vira tablet por R$ 1.699 no Brasil

Modelo tem tela de 10.1 polegadas com resolução HD e tecnologia IPS, que oferece ângulos de visão de até 178º

São Paulo – A Asus lançou nesta terça-feira (16/9), em um evento em São Paulo, o notebook híbrido Transformer Book T100 no Brasil, com preço sugerido de 1.699 reais.

O produto já está disponível nas redes de varejo e pode ser usado tanto como computador portátil quanto como tablet, uma vez que a sua tela é destacável.

O dispositivo conta com processador Intel Atom Z3775 quad core e, segundo a fabricante, oferece até 11 horas de autonomia de bateria (com brilho de tela em 40%). O gadget será fabricado pela Asus no Brasil.

O Transformer Book T100 tem tela de 10.1 polegadas com resolução HD (1.366 por 768 pixels) e tecnologia IPS (In-Pane Switching), que oferece ângulos de visão de até 178º.

O aparelho tem sistema Windows 8.1 completo, e não a edição RT, mas a Microsoft não comentou sobre a atualização do sistema no futuro — lembrando que há um evento sobre Windows marcado para 30 de setembro.

No modo notebook, o dispositivo conta com um HD com capacidade de 500 GB, mas no modo tablet esse número é reduzido para 32 GB. São 2 GB de memória RAM, Bluetooth 4.0, Wi-Fi padrão N e processador gráfico Intel HD Graphics Gen7.

A bateria fica localizada na tela e a dock de teclado não oferece uma carga extra. Com o teclado, o gadget pesa 1,15kg e sem, 550g.

O aparelho tem também suporte para cartão microSD de até 64 GB, espaço gratuito para armazenamento ilimitado na nuvem da Asus, além de uma licença do Office 365. Os dois últimos serviços são gratuitos por 12 meses.

“Acreditamos que o lançamento desse produto conseguirá renovar a categoria de PCs. Ele deve revigorar esse segmento”, afirmou Alexandre Wu, country manager da Asus Brasil.

Em testes rápidos realizados pela redação, o Transformer Book T100 ofereceu um bom desempenho geral com o sistema Windows 8.1.

A digitação no teclado, padrão ABNT 2, é agradável e a responsividade do trackpad é satisfatória, apesar deste último componente ter dimensões um tanto reduzidas.

Microsoft – Perguntada por INFO, Claudia Santos, diretora de OEM e distribuição da Microsoft Brasil afirmou que o Transformer Book T100 não concorre com o Nokia Lumia 2520, apesar dos produtos terem usabilidade semelhante.

“Dentro da estratégia que seguimos hoje na Microsoft, sempre teremos uma linha que é first party, que são aparelhos fabricados pela Microsoft, e a gente continua investindo fortemente nos produtos de terceiros. Queremos oferecer o maior número possível de opções para todas as categorias.Vamos apoiar totalmente, independente do produto ser proprietário da Microsoft ou de terceiros, não há nenhuma forma de distinção”, disse.

Já sobre o Surface 3, Claudia disse que o produto ainda não chegou ao Brasil porque o mercado brasileiro requer maior tempo de análise.

Intel – Com o lançamento do Transformer Book T100, a Intel reforça sua expansão no segmento de tablets. A empresa pretende chegar a 20 tablets até o final de 2014 e os processadores da empresa já estão em aparelhos da Positivo Informática, DL, Dell e Lenovo, além da Asus.

“Adoramos essa implementação particular da Asus porque o processador oferece uma performance em jogos cinco vezes melhor do que se tinha com a versão anterior do produto”, afirmou Dave González, diretor geral da Intel no Brasil.